Asseiceira

  • Missa

    - Domingo, 12:00h | Igreja Matriz

  • Sobre

    Ceiçeira, hoje Asseiceira, é terra mui antiga e famosa, pelas águas, pelos barros, pelos privilégios que usufruiu e acontecimentos nela ocorridos. Chegou mesmo a ser vila e sede de concelho, com câmara, castelo, cadeia, Misericórdia, etc., durante 521 anos. Mas o concelho foi extinto em 1836.

     

    A criação da paróquia, pelo rei D. Dinis, remonta a 1302. Prestes, portanto, a perfazer 700 anos de existência. O orago é Nossa Senhora da Purificação e a igreja paroquial, em bom estado, é interiormente revestida de ricos azulejos com mais de trezentos anos.

    Santa Cita é nome duma santa ali martirizada pela fé nos primeiros séculos do Cristianismo, cuja imagem se venera na igreja local, dedicada pelos Franciscanos, que ali houveram convento, ao Senhor Jesus das Necessidades, cuja festa ocorre a 11 de Setembro, com afluência de milhares de devotos. Trata-se dum templo antigo de boa traça arquitectónica e valiosas imagens.

     

    Em Linhaceira venera-se Nossa Senhora Conforto dos Aflitos, em ampla igreja de traçado moderno recentemente construída. Roda Grande é outro centro de culto, com capela dedicada a Nossa Senhora da Saúde, construída cerca dos anos 30, restaurada décadas depois e em bom estado. Finalmente, o Centro dos Pastorinhos, com um belíssimo dedicado a Nossa Senhora de Fátima – uma bonita imagem oferecida pelo Santuário da Cova da Iria –, benzido e inaugurado por D. António Francisco Marques, no início do seu episcopado.