Alcanede

  • Missas

    - Sábado, 18:00h | Vale do Carro (no 1º sábado do mês)
    - Sábado, 18:00h | Aldeia de Além (no 2º sábado do mês)
    - Sábado, 18:00h | Casais da Charneca (no 3º sábado do mês)
    - Sábado, 18:00h | Pé da Pedreira (no 4º sábado do mês)
    - Domingo, 12:00h | Igreja Paroquial
    - Domingo, 09:00h | Aldeia da Ribeira (no 1º domingo do mês)
    - Domingo, 10:30h | Viegas (no 1º, 3º e 4º domingo do mês)
    - Domingo, 09:00h | Mosteiros (no 2º domingo do mês)
    - Domingo, 10:30h | Valverde (no 2º domingo do mês)
    - Domingo, 09:00h | Murteira (no 3º domingo do mês)
    - Domingo, 09:00h | Mata do Rei (no 4º domingo do mês)

  • Sobre

    Alcanede foi sede de concelho até à reforma administrativa de 1836. E se não se conhece a data da criação da paróquia, há quem sustente que ela remonta aos primórdios da nossa nacionalidade. Na sua igreja matriz, que tem por padroeira Nossa Senhora da Purificação, foi velado o rei D. João I, na sua trasladação para o mosteiro da Batalha.

     

    Existem na paróquia capelas em Aldeia de Além (Santana), Aldeia da Ribeira (São João Crisóstomo), Alqueidão do Mato (São Sebastião), Alqueidão do Rei (Nossa Senhora da Esperança), Casais da Charneca (Ascensão do Senhor), Espinheira (Nossa Senhora dos Prazeres), Mata do Rei (São João Baptista), Mosteiros (Santa Catarina - século XVI), Murteira (São Vicente), Pé da Pedreira (Santa Susana), Prado (São Brás - 1692), Vale da Trave (São Caetano), Valverde (São Pedro - 1600), Viegas (Santo Estêvão) e Xartinho (Santo António).

     

    Entre o património artístico e cultural mais significativo, destaca-se a igreja matriz e algumas capelas na área da paróquia, cruzeiros, telas, alfaias litúrgicas, objectos de culto, talha dourada e imagens de valor, nomeadamente uma imagem de Nossa Senhora, de barro policromado, do século XVII, outra de Nossa Senhora da Conceição, policromada e estofada, e uma Pietá, de madeira.

     

    De notar a pia baptismal do século XVI, o púlpito de pedra da região com docel em concha datado de 1651 e uma pedra heráldica da Ordem de Avis, pois a Igreja foi comenda da referida Ordem. Existem ainda vários painéis de azulejos dos séculos XVII e XVIII.

     

    Na capela da Aldeia da Ribeira, construída no ano de 1757, existe uma imagem antiga de S. João Crisóstomo e duas recentes: uma de Nossa Senhora de Fátima e outra de Santo Expedito. No interior da capela encontram-se uns azulejos, com  inscrição que, até agora, não foi possível decifrar.

     

    Também é de registar, na capela da Santa Casa da Misericórdia, uma curiosa bandeira desta Instituição do século XVIII, sete painéis da mesma época alusivos à Paixão do Senhor e diversas imagens antigas.

     

    Entre os objectos de culto, referimos três cálices, uma naveta e colher, e quatro resplendores, todos de prata, do século XVIII.