Foros de Salvaterra

  • Missas

    - Domingo, 10:00h | Igreja Paroquial
    - Domingo, 09:00h | Igreja da Várzea Fresca

  • Sobre

    Foros de Salvaterra é uma freguesia/paróquia com 36,1 km2 que se estende por terras de planície entre as vilas de Coruche e de Salvaterra de Magos. Foi instituída freguesia apenas em 1984 e paróquia em 1992, em ambos os casos emancipando-se de Salvaterra de Magos. O seu orago é o Imaculado Coração de Maria.

     

    Mas o primeiro grande impulso social e económico deu-se em meados do século XIX. De facto, em 1845, a junta da paróquia de Salvaterra de Magos, com o objectivo de desbravar todo o matagal que cobria o solo e de o tornar terra de cultivo, decidiu o aforamento daquela vasta área, transformando-a numa das poucas propriedades comunitárias para instalar uma colónia de camponeses vindos da beira-mar.

     

    Alguns grandes proprietários começaram a seguir o exemplo de ceder terras a colonos que ali se instalassem. Estas terras eram atribuídas através de contratos de enfiteuse, pelos quais era cedido o domínio útil das propriedades contra o pagamento de uma pensão (foro) anual.

     

    No início do século, a transformação dos Foros de Salvaterra era já uma realidade com vastas extensões de vinha e cereais. Impulso ao desenvolvimento agrícola foi a construção, em 1934, do então maior empreendimento hidro-agrícola do País, a Barragem de Magos.

     

    Eram típicos os casamentos celebrados neste lugar, pois noivos, padrinhos e convidados seguiam a caminho da igreja em vistoso cortejo de carroças, por vezes de vários quilómetros, uma das quais transportava o acordeonista contratado.