Festa do Baptismo do Senhor

Festa do Baptismo do Senhor

Início
10/01/2021 00:00

No domingo em que terminamos o Tempo litúrgico do Natal, e em que escutaremos o Evangelho abaixo transcrito, a Igreja diocesana de Santarém alegra-se com a ordenação diaconal do seminarista Bruno Filipe, já neste sábado, pelas 10:30h na Igreja Catedral, em Santarém.

EVANGELHO Mc 1, 7-11 
«Tu és o meu Filho muito amado: em Ti pus a minha complacência» 

O Baptismo de Jesus inaugura a sua vida pública. Ao fazer-Se homem, Ele tornou-Se solidário com os homens. Por isso, não receou descer à água do Baptismo no meio dos pecadores, mas para os elevar à dignidade de filhos de Deus. Estes dois aspectos estão bem claros no Baptismo do Senhor. Jesus desce à água, o Pai apresenta-O como seu Filho, o Céu abre-se e o Espírito Santo desce sobre Ele. A pomba é apenas a imagem sob a qual o Espírito Se manifesta. A palavra do Pai revela, de maneira autêntica, o mistério e a missão de Jesus. O baptismo do Senhor é uma das grandes “epifanias” ou “manifestações” de Jesus. 

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos 
Naquele tempo, João começou a pregar, dizendo: «Vai chegar depois de mim quem é mais forte do que eu, diante do qual eu não sou digno de me inclinar para desatar as correias das suas sandálias. Eu baptizo na água, mas Ele baptizar-vos-á no Espírito Santo». Sucedeu que, naqueles dias, Jesus veio de Nazaré da Galileia e foi baptizado por João no rio Jordão. Ao subir da água, viu os céus rasgarem-se e o Espírito, como uma pomba, descer sobre Ele. E dos céus ouviu-se uma voz: «Tu és o meu Filho muito amado, em Ti pus toda a minha complacência».